Brincadeira para Crianças O Mestre Mandou

O mestre mandou

Já participou desta brincadeira? Quem já conhece sabe o quanto é divertida e criativa. É ótima opção para ensinar as crianças.

Com um adulto responsável por perto, podem brincar meninos e meninas a partir dos 4 anos de idade. O local para realizar esta atividade infantil pode ser os mais diversos, seja onde você estiver: em casa, no condomínio residencial, no clube, na praia, no quintal, numa chácara, num salão de festas, na garagem de casa, numa quadra de esportes, na calçada, entre outros espaços.

Este jogo é ideal para estimular diferentes habilidades dos pequenos, entre elas a concentração, o cumprimento de tarefas, o respeito, a imaginação, a amizade, a coordenação motora, a criatividade, a agilidade, a atenção, a adaptação, o desempenho, o bom humor, a linguagem corporal e muitas outras.

Para começar a brincadeira é ideal ter pelo menos 3 crianças participantes. Um dos jogadores ficará com a função que dá o nome à brincadeira, ele desempenhará o papel de mestre e ficará diante os demais jogadores, dando ordens. Enquanto isso, todos os participantes deverão obedecê-lo, cumprindo desde que sejam anunciadas as palavras de ordem, que são: “O mestre mandou” ou então “Macaco Simão mandou”.

Para confundir, algumas das ordens não irão começar com estas palavras, propositalmente. Desta maneira as mesmas não devem, em hipótese alguma, ser cumpridas. Por conta disto, este jogo exige que os participantes prestem bastante atenção. Caso alguém se confunda, não cumprindo as ordens solicitadas ou então cumprindo uma ordem que foi anunciada sem as palavras-chaves de ordem, consequentemente será eliminado da jogada.

A grande diversão desta atividade está justamente na dificuldade: uma delas é estar condicionado a cumprir tarefas, mesmo em momentos que não é para cumpri-las. Outra característica que dá mais diversão à brincadeira, porém que dificulta e muito, é referente às tarefas a serem executadas. O mestre pode usar toda a sua criatividade fazendo pedidos inusitados, como por exemplo, que os jogadores tragam objetos específicos ou de cores diferentes. Que improvisem uma sequência de atividades, todas de uma só vez só, como: “O mestre mandou pular pra trás num só pé, coçando a cabeça, mostrando a língua, e segurando a orelha”. E assim, podem ir criando novas opções com graus de dificuldades.

Comentários