Brincadeiras e Atividades para Dia das Mães

Dia das mães coração

O dia das mães é uma das datas mais importantes para o comércio. Na prática, é mais popular do que o dia dos pais. Entretanto, na hora de fazer atividades e brincadeiras, normalmente, há grandes dificuldades de inovar. Veremos aqui, formas de fazer com que o velho fique novo.

Presentes

Da mesma forma que o dia dos pais, os presentes, é, de longe, a maior produção com as crianças. Repetimos que, se possível, não devemos fazer somente o presente, visto que limita a representação da figura materna somente com presentes.

Um dia de mãe

Pode ser feita uma peça teatral. Sugerimos o nome de “Um dia de mãe”. A peça deve refletir a importância e todas as tarefas realizadas pela mãe de família. Pode ser iniciada com uma criança que acaba sonhando que uma das suas bonecas tinha crescido e virado, realmente, sua filha e o garoto que mais gostava na escola era o pai.

O grande problema da peça é que necessita de grande tempo de ensaio, entretanto, quando feita com zelo o resultado é maravilhoso. Se a professora quiser, ainda, acrescentar mais é possível fazer um musical em forma de peça. Fazemos a sugestão de crianças órfãs que nunca viram ou perderam suas mães e digam à falta que fazem. Misturado a isto, crianças dizem como suas mães são boas e importantes na vida delas.

Papo cabeça

O papo cabeça é uma conversa franca entre mães e filhos em que eles dizem tudo o que sentem pelas mães e o que poderia ser mudado. O professor pode criar fichas com as perguntas que seriam sorteadas na hora do evento. Em um segundo momento, as perguntas e respostas seriam de forma espontânea. O desejo da atividade é fazer com que os filhos possam usar a data para melhor o relacionamento familiar.

Histórias

Os alunos podem produzir histórias (escritas ou em quadrinhos) para contar a importância da sua mãe. No dia escolhido pela escola, poderia ser feito uma tarde ou chá de autógrafos.

Temos muitas opções, cabe ao educador escolher qual será a melhor para às crianças e ambiente escolar.

Comentários